My Dear friends

This site not work anymore .I have a new site and you can go there visit me. I dont go put more post here anymore ... If you like this blog go there .. I will be there for you ... Olá meus queridos amigos ... agora tenho um novo blog Este site nao funcionará mais , tive alguns problemas. Agora tenho um novo endereco de blog. Nao irei mais colocar post neste blog .. Todas as atualizacoes e novidades estarao no outro endereco .. Acessem... estarei lá pra vcssss Se vcs gostaram desse blog irao amar o outro .. mais atualizado e lindo ... Vamos láaaa .... visitem-me lá .. Beijinhos Lili

Tank for everything !!!

melldesofia.blogspot.com

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Felicidade planejada

Reportagem / Organização

A aspiração de ter uma casa perfeita é quimérica, mas ela pode chegar perto disso com certas providências. A primeira é se programar, distribuindo tarefas mês a mês, da pintura à compra do enxoval. Como calendário em mãos, o resto é com você. Inclusive a festa no final
Texto Carol Scolforo Ilustrações Adriana Tavares

Temos uma ótima notícia para você: o sonho de ver sua casa tinindo – mais nova mais alegre e harmoniosa – pode ser realizado este ano. E isso não inclui os poderes de uma fada-madrinha. Basta se organizar e, sem muita mágica, esse desejo fica mais real.

Para facilitar a sua vida, Casa e Jardim lista as atividades que vão deixar sua casa muito mais agradável – e o mês mais indicado para cada uma delas. Aproveite.

Liquidações, lá vou eu!
O ano começa bem, com preços mais baixos na maioria das lojas de decoração. Hora de tornar realidade os sonhos visto sem ruas especializadas, como a Gabriel Monteiro da Silva, em São Paulo. Mas vá com calma e não se deixe seduzir pela palavra promoção. “As pessoas acabam comprando por impulso uma peça só porque está mais em conta.Em casa, ela não fica proporcional ao ambiente”, alerta a designer de interiores Maristela Gorayeb.

Fuja da primeira armadilha: o espaço decorado no showroom.Em geral, a loja tem amplitudes maiores que a casa. Se achar necessário, leve uma foto do ambiente em que você vai inserir o novo móvel. “Leve uma fita métrica à loja, meça o móvel e,em casa, suponha a posição e o volume que ele irá ocupar”, diz Maristela.

O designer de interiores Roberto Negrete sugere não ter medo das peças de showroom, se caírem bem no espaço a ser decorado. “Os defeitinhos podem ser camuflados ou expostos mesmo”, diz. Afinal, uma casa autoconfiante não se esquiva dessas marcas do tempo. Nos detalhes, aposte em capas de almofada, jogos americanos, toalhas de mesa, castiçais – elementos que podem mudar a cara da decoração, sempre. “Pequenos objetos são a grande vantagem das liquidações: você agrega valor”, diz Maristela. Mas não compre todos em uma mesma loja. “Dê à casa uma cara de vários acontecimentos”, sugere Negrete.

Olho nos tecidos Como a época das liquidações é um bom momento para adquirir tecidos – elementos-chave para transformar a decoração–, a dica é predefinir funções para eles. Regrinhas de ouro ajudam a evitar desperdícios. Gostou de um estampado? Compre – o em pequenas metragens, pensando em objetos menores, comoalmofadas, banquetas e pufes. “Três metros é uma boa quantidade por projeto”, diz a decoradora Karin Killingsworth, da loja Arte Markante. Se a sua escolha for por cores lisas, eleja tons neutros, calculando de 5 a6metros por ambiente. Para cortinas, a dica é adquirir múltiplos de 3 metros. Já para colchas, compre pelomenos5 metros.A mesmadica vale para o sofá: múltiplos de 5 metros. Ecomas cores combinadas entre si, aconselha Karin. “Assim, se a ideia mudar, o tecido poderá ser aproveitado em outro projeto.”





Encare o drama da organização
Esse é o momento de pensar na organização geral da casa – e concretizá-la.Semela, fica difícil planejar o novo ano. Veja o que deve ser consertado e o que pode ser doado, para deixar a vida mais prática. Faça a arrumação por ambientes e reaproveite o que for descartado, exercitando a criatividade. “Forminhas de gelo antigas podem guardar bijuterias, por exemplo”, ensina a organizadora de armários Cristina Papazian.

Depois de dispor tudo nos devidos lugares internos, a dica é partir para a organização visual. “Comece agrupando objetos por temas”, sugere a arquiteta Vanessa Feres. Na cozinha, cada um ganha um espaço: objetos de servir, peças do dia a dia, utensílios menos usados... Na estante de livros, faça o mesmo: tematize tudo, o que facilita localizar os títulos. Quanto às peças de decoração, pode-se encontrar simetria em objetos diferentes, desde que estejam interligados por cor ou estilo.

No quarto das crianças, onde é impossível evitar a bagunça, a sugestão é usar caixas com rodízios que tenham um design parecido. “Elas aliam praticidade e visual bonito”, indica Vanessa, que sugere revesti-las com tecidos, para criar uma atmosfera aconchegante. O truque para a casa continuar em ordem e simétrica é dar acesso fácil aos objetos de maior uso, sem deixar inacessíveis as peças menos utilizadas. Afinal, é com a falta de praticidade que a bagunça volta a dominar.




Tempo de planejar a reforma
Ninguém gosta muito da palavra reforma – geralmente porque vem acompanhada de quebra-quebra e desordem. No entanto, basta planejamento para que tudo fique menos traumático. O arquiteto Ricardo Miura sugere que se tenham prioridades definidas, começando pelos maiores incômodos. “Às vezes, quebrar é inevitável. Não só quando o morador não gosta das cerâmicas e pedras existentes, mas também quando há problemas nas instalações”, afirma Miura. Leve em conta a possibilidade de sair de casa por um tempo ou alugar um espaço para os móveis.

Os avessos a essa possibilidade podem optar por reformas superficiais: há revestimentos que são aplicados sobre os já existentes e pinturas especiais podem resolver a questão em todos os espaços, sem transtornos. Se a sua reforma envolve cozinha e banheiro, fique de olho nas opções ecológicas. “ Há muitos padrões de porcelanatos, cada vez mais acessíveis, e de laminados,com toque agradável e de aparência similar aos materiais naturais,coma vantagem da resistência e da facilidade de limpeza”, diz Miura. Na compra de acabamentos, como louças e metais, procure opções que ali em bom designa funcionamento inteligente.

Agende-se
Feiras importantes de construção e acabamentos são realizadas nessa época, em São Paulo. A Revestir vai de 9 a 12demarço, no Transamérica Expo Center, com os lançamentos em revestimentos. A Feicon abre as portas de 7 a 10de abril, no Palácio das Convenções do Anhembi, trazendo novidades em construção. As feiras são abertas ao público. Visite-as e escolha com propriedade o que você vai inserir na casa nova ou reformada
Dica
Alguns bancos oferecem linhas de crédito para reforma e até decoração da casa. No Banco do Brasil, o crédito Material Construção contempla compras do básico aos acabamentos, além de móveis planejados. As parcelas são de até 60 meses, para no máximo R$ 50 mil de empréstimo. A Caixa Econômica Federal possui o cartão Construcard, que facilita a compra de materiais. São 60 meses ara pagar a obra e, durante seis meses de aquisições, pagam-se somente os juros das compras realizadas.

fonte:
http://revistacasaejardim.globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha lista de blogs