My Dear friends

This site not work anymore .I have a new site and you can go there visit me. I dont go put more post here anymore ... If you like this blog go there .. I will be there for you ... Olá meus queridos amigos ... agora tenho um novo blog Este site nao funcionará mais , tive alguns problemas. Agora tenho um novo endereco de blog. Nao irei mais colocar post neste blog .. Todas as atualizacoes e novidades estarao no outro endereco .. Acessem... estarei lá pra vcssss Se vcs gostaram desse blog irao amar o outro .. mais atualizado e lindo ... Vamos láaaa .... visitem-me lá .. Beijinhos Lili

Tank for everything !!!

melldesofia.blogspot.com

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Estado inaugura Biblioteca de São Paulo com itens de acessibilidade


http://deficienteciente.blogspot.com

Quarta-feira, Fevereiro 10, 2010



Novo empreendimento cultural aposta em tecnologia, recursos multimídia e ambientes exclusivos

A partir do dia 9 de fevereiro, a cidade de São Paulo contará com um novo e diferenciado espaço cultural: a Biblioteca de São Paulo. O governador José Serra inaugurou nesta segunda, 8, em uma área de 4.257 m² no Parque da Juventude, zona norte da capital, a Biblioteca que oferece aos paulistas um espaço dinâmico e integrado à comunidade.

O local conta com amplo horário de funcionamento, fácil acesso pelo Metrô Carandiru, CDs, DVDs, jogos e 30 mil livros no acervo.

Além disso, a Biblioteca de São Paulo será um centro de formação permanente para atualização e qualificação de profissionais da área. "Inauguramos hoje uma grande biblioteca. Grande pelo volume de livros, pela acessibilidade e pelas inovações que contém", disse Serra. "Em matéria de acessibilidade para pessoas que com deficiência física, visual, motora ou auditiva, é uma biblioteca super avançada; talvez poucas bibliotecas no mundo tenham este nível de acessibilidade", ressaltou o governador.

Inspirada nos serviços e programas da Biblioteca Pública de Santiago, no Chile, a Biblioteca de São Paulo possui cinco áreas de atividades, divididas por faixas etárias. No local, os últimos lançamentos do mercado editorial dividem espaço com periódicos, computadores com acesso à internet e recursos multimídia.

No novo espaço, os usuários têm à disposição um auditório, área para exposições temporárias e permanentes, atividades de incentivo à leitura e um café. Pessoas com deficiência têm acesso integral a todos os ambientes.

O horário de funcionamento também é um diferencial: de terça a sexta-feira, das 9h às 21h, e aos sábados, domingos e feriados, das 9h às 19h. "É fundamental garantir o acesso da população e, pensando nisso, a Biblioteca precisa estar de portas abertas de manhã até a noite. Queremos que a Biblioteca integre o cotidiano da cidade", explica a assessora de gabinete da Secretaria e idealizadora do novo espaço, Adriana Cybele Ferrari.

"Os livros estão ao lado de CDs, DVDs, jornais e revistas. É um espaço dinâmico, onde os livros não ficarão esquecidos nas estantes", afirma o Secretário da Cultura, João Sayad. "Queremos que fique parecida com as grandes livrarias, que hoje recebem muito mais leitores do que as bibliotecas".

Acessibilidade
Além de elevador para cadeirantes, a Biblioteca de São Paulo contará com seis mesas de leitura adaptáveis (duas no térreo e quatro no primeiro pavimento). Para pessoas com deficiência visual ou com baixa visão há leitores autônomos que reconhecem e leem o texto em poucos segundos, uma impressora que transforma obras literárias para o braile, ampliadores de letras e 10 computadores com softwares especiais de leitura e teclados ampliados com mouses especiais. No acervo também estão audiolivros e algumas edições já em braile, como Contos de Fadas dos irmãos Grimm.

No caso das pessoas com deficiência auditiva, funcionários capacitados para comunicar-se em LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) também facilitarão o atendimento aos usuários.

Tecnologia
Cerca de 100 computadores, equipados com fones de ouvido e telas widescreen, acesso à internet e recursos multimídia estão disponíveis para uso do público nas áreas para crianças de 4 a 11 anos, jovens de 12 a 17, e adultos. Para os usuários cadastrados na Biblioteca que queiram utilizar notebooks, uma rede wireless dá acesso aos sistemas e à internet.

Também estarão disponíveis sete Kindles, pequeno aparelho desenvolvido nos Estados Unidos para a leitura de livros, jornais e outras mídias digitais.

Fonte: http://www.pessoacomdeficiencia.sp.gov.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha lista de blogs